PASSEIO DE FINDE: “Barrio chino”

Este fim de semana fomos passear pelas bandas do bairro chinês!

Eu já falei aqui no blog sobre o Ano Novo Chinês 4711, e que eu queria voltar lá num dia que não fosse festa e que tivesse menos vuco-vuco. Como já estávamos na rua, o dia estava lindo e o Carlos queria comprar uma tampa para o disco (uma espécie de wok com perninhas), lá fomos nós…

O bairro chinês nada mais é que quatro quadras no bairro Belgrano onde estão concentrados milhares de chineses e seus negócios, como lojinhas, mercados e restaurantes. O lugar é famoso e a gente encontra de TUDO! Desde muitos tipos de frutas (que não se encontra nos mercados da cidade), todo tipo de tempero, muuuitos produtos orientais de todos os tipos, além de carnes, peixes, camarões (e seus derivados), das coisas mais simples até as mais bizarras… eu saí fotografando e mostro aqui para vocês…

No cruzamento das ruas Juramento e Arribeños está o portal da entrada.

As ruas estão sempre cheias de gente…

Mas o mais interessante do passeio é entrar nos mercados e ver o que eles tem para oferecer (mas já vou avisando… vai preparado porque o cheiro não é dos mais agradáveis).

Começando pela parte de produtos importados (eu imagino que deve ser parecido a ir fazer compras na Liberdade em São Paulo, que eu não conheço). Pacotinhos, latinhas e garrafinhas de tudo o que você possa imaginar… Japonês, chinês e coreano… A maioria não dá nem para decifrar o que é, se é doce, salgado, de comer ou de pôr no cabelo… Eu encontrei várias coisas que eu lembro da Korea! *-*

De fruta/verdura, o mais exótico foi o Pepino Amargo (?!?).

Agora da parte “cheirosa”, a coisa ia ficando cada vez mais bizarra. Eles tinham todos os pedaços de frango e porco que você possa imaginar, além de… útero (!?! todos faziam a mesma cara quando liam a plaquinha), tendão (como come isso? me explica!!!), um tijolo de sangue de porco e frango preto! Hein?!? (clique nas fotos para ampliar)

Depois de um tempo aí dentro você acostuma com o cheiro forte e se distraí com as coisas que encontra…

Além disso, exitem vários restaurantes para todos os gostos (de comida do sudeste asiático, óbvio) e bolsos.

Um bom passeio para conhecer novas culturas, para experimentar um novo restaurante, para buscar algum tempero/produto ou para pelo menos se divertir olhando com as curiosidades que tem pra vender…

O bairro chino fica na rua Arribeños, entre Juramento e Blanco Encalada.
Está aberto de segunda a domingo (incluindo sábados, domingos e feriados).
Os negócios de produtos típicos estão abertos de 9h a 21h, os mercados de 9h a 20h e os restaurantes para almoço e jantar, mas a maioria fecha nas segundas no jantar.
Para mais informações, acesse os sites “Barrio Chino Belgrano” ou “Barrio Chino Belgrano Buenos Aires“.
 

Até a próxima! 😉

Anúncios
Esse post foi publicado em Passeio de finde e marcado , , . Guardar link permanente.

3 respostas para PASSEIO DE FINDE: “Barrio chino”

  1. Itané disse:

    Pode ser um passeio interessante, mas é estranho!

  2. Pingback: PASEIO DE FINDE: Buenos Aires Market | buenosairesdalu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s