Wakolda – cine argentino

Fim de semana passado assistimos mais um filme argentino, Wakolda. Baseado no livro com o mesmo nome, o filme foi pré-selecionado para o Oscar de Melhor Filme Estrangeiro, mas não passou para a lista final.

Wakolda (Foto: Reprodução)

O filme conta uma história verídica, passada no verão de 1960. Um médico alemão conhece uma família na região mais desolada da Patagônia, e se junta a eles numa caravana pela rota do deserto. O viajante era Josef Mengele (Àlex Brendemühl), um dos maiores criminosos da história. Esta família revive todas as suas obsessões relacionadas com a pureza e perfeição, especialmente Lilith, uma adolescente com pouca estatura para sua idade. O fascínio era mútuo: no despertar sexual, Lilith sentia uma atração perturbadora por este estranho. Não sabendo a verdadeira identidade do alemão, quando chegam a Bariloche, os pais de Lilith, Enzo (Diego Peretti) e Eva (Natalia Oreiro) decidem aceitá-lo como o primeiro hóspede na pousada deles, às margens do Lago Nahuel Huapi. Embora o caráter estranho do alemão lhes gerasse alguma suspeita, gradualmente foram seduzidos por seus modos, a sua distinção, o seu conhecimento científico e sua oferta de dinheiro.

O filme é muito bom, mas como eu não sabia a história da vida do tal Mengele, me decepcionei um pouco com o final… mas recomendo!

Deixo vocês com o trailer – Wakolda (2013):

beijo beijo
Anúncios
Esse post foi publicado em Clássicos argentinos e marcado , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Wakolda – cine argentino

  1. Itané de Borba disse:

    Esse cara era o “demo”.
    O filme deve ser interessante.
    Se vier para cá, vamos assistir.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s